China é prioridade na relação comercial brasileira, destaca Serra

Ministro das Relações Exteriores, José Serra defendeu nesta segunda-feira a aproximação comercial brasileira com China, África e Irã e uma menor tributação brasileira sobre as exportações. Serra definiu a China como “prioridade” e disse que criará uma área específica dentro da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex) para lidar com o país asiático.

“A China descolocou a curva de demanda por alimentos para cima. Vamos dar ênfase para isso”, disse em discurso no Global Business Forum.

Falando para uma plateia de representantes do agronegócio brasileiro, ele elogiou a agricultura brasileira, responsável por 20% do PIB e 40% das exportações. O ministro disse a empresários do setor que “não há contradição” entre incentivar a venda para o exterior de produtos agrícolas e diversificar a pauta de exportação.

Para isso, Serra defendeu que haja menos impostos sobre a exportação. A menor incidência de tributos, segundo ele, já traria efeitos positivos no curto prazo. “Precisamos diminuir o custo Brasil”, disse. Ele não detalhou, no entanto, quais mudanças poderiam ser essas.

Ele ainda elogiou a produtividade do agronegócio brasileiro, mas disse que é possível diminuir os custos, principalmente por meio de melhoras no transporte e armazenamento

 

http://www.valor.com.br/brasil/4623379/china-e-prioridade-na-relacao-comercial-brasileira-destaca-serra