China projeta abertura de 20.000 novas academias de futebol em território nacional até final do ano

O último plano traçado pelo governo chinês, com o objetivo de impulsionar o progresso da competitividade futebolística chinesa no plano mundial, envolve a abertura de 20,000 novas academias focadas no treino e aperfeiçoamento de jovens talentos nacionais.

O Gabinete para o Futebol Nacional do Campus da Juventude (Office for National Youth Campus Football) avança que, em 2016, estavam já registradas na China 13,381 “escolas especiais de futebol”, com programas ao cargo de 69 países, segundo uma reportagem de quarta-feira (1), realizada pela agência de notícias Xinhua.

O gabinete prevê que o número de escolas especializadas supere a marca das 20,000 em 2017, sendo expetável que 50,000 escolas operem no país até 2025.

Wang Dengfeng, diretor do Departamento de Educação Física, Saúde e Arte do Ministério da Educação (MOE) e vice-diretor da Associação Chinesa de Futebol, afirmou que vários especialistas têm criado currículos para mais de 360 programas de treino em escolas primárias e secundárias.

Aos treinadores serão facultados vídeos sobre treinamento e instrução, a fim de garantir a qualidade dos programas.

A Xinhua relatou, em 2015, que o MOE e cinco outras instituições governamentais estariam a criar um grupo de trabalho para assegurar a prosperidade do futebol nas escolas do país.

As funções do grupo de trabalhos incluem o cultivo pelo desenvolvimento da modalidade nos campi escolares da China, através da promulgação de leis e políticas, delineando planos anuais e revisando as regras e orçamentos para a promoção do desporto entre estudantes e jovens do país.

O Presidente Xi jinping, reconhecido adepto do futebol, é um acérrimo adepto do desenvolvimento da modalidade na China.

De acordo com o jornal Soccer News, em julho de 2011, o então vice-presidente Xi Jinping, terá mencionado os “3 sonhos” do futebol chinês: se qualificar para a Copa do Mundo, organizar a Copa do Mundo e ser campeã mundial.

(Web editor: Chen Ying, editor)
fonte: people.cn
treinadorch
chfutbr